Go to Home  
 

Voit

A empresa VOIT (W.J. VOIT RUBBER COMPANY), foi fundada em 1922, por William J. Voit, em Worthington - Indiana. A companhia se especializou na produção em produtos de borracha, desenvolvendo e se especializando na fabricação de bolas esportivas. Na década de 40, a Voit fabricava, também, equipamentos em borracha para esportes aquáticos (botes infláveis e flutuadores).

As empresas Owen Churchill e Sea-Net Company, que atuavam na linha de mergulho livre, terceirizavam sua produção de máscaras e nadadeira com a VOIT. Em 1946, Willard Voit, filho de William, assumiu a empresa e nos anos 50 a VOIT já tinha a sua própria linha de máscaras, nadadeiras e acessórios para mergulho.

A VOIT, juntamente com as empresas Rene Sports, Sea Net e Fisher Sporting Goods, foi anunciante da primeira edição da revista Skin Diver, em dezembro de 1951, como fornecedora de equipamentos para mergulho.

Nos anos seguintes, a VOIT presenciou o rápido crescimento da atividade do mergulho nos EUA e desenvolveu uma linha de produtos para a atividade de caça submarina.

Após um acordo firmado, em 1956, em troca de produtos de borracha, como mangueiras, nadadeiras, máscaras, etc, a VOIT obeteve autorização para utilizar dois dos projetos de reguladore da US Divers:

- DA NAVY APPROVED - Regulador double hose de dois estágios;

- DW OVERPRESSURE -  Regulador double hose de estágio único;

Os engenheiros da VOIT efetuaram alterações nos projetos iniciais dos reguladores da US Divers e, após criarem uma identidade visual própria, foram lançados o VOIT LUNG VR1 (de estágio único) e o VOIT LUNG VR2, de dois estágios.

As duas partes/"cans" dos reguladores eram fixadas por 7 grampos. As mangueiras utilizadas, o mouthpiece/bocal, do tipo Kleer E-Z, e as abraçadeiras do tipo tinnerman eram da cor verde. Os rótulos eram, também, da cor verde. Em novembro de 1955, o primeiro catálogo colorido da empresa mostrava a linha de produtos da VOIT para o ano de 1956, e incluia os modelos de reguladores double hose VR-1 e VR-2.

 

 

 

Os reguladores apareceram pela primeira vez na Skin Diver de fevereiro de 1956.

 

VOIT LUNG VR-2

O VOIT LUNG VR-2 apresentava o label/rótulo em verde contendo as inscrições VOIT LUNG TWO STAGE NAVY APPROVED - U.S PATENT 2.485.039 - W.J. VOIT RUBBER CORP. - LOS ANGELES - DANVILLE, ILL - NEW YORK - USE WITH COMPRESSED AIR ONLY - SACAPHANDRE AUTONOME - COUSTEAU GAGNAN. O número da patente foi colocado no rótulo por exigência da U.S. Divers.

 

 

Cada VR-2 tinha um número de série de quatro dígitos estampado no rótulo e eram de cromo brilhante na parte superior (lado do label) e fosco na parte inferior (lado do yoke). Possuiam dois estágios, sendo o primeiro estágio do tipo Upstream e um segundo estágio do tipo Downstrea

 

 

Em 1957, a VOIT passou a chamar o VOIT LUNG VR-2 de MARINER, mas esta denominação nunca apareceu nos labels. A produção deste modelo ocorreu de 1956 à 1958. A numeração serial se iniciou no número 1.000 e acredita-se que não mais de 2.000 unidades foram produzidas.

 

 

VOIT LUNG VR-1

O VOIT LUNG VR-1 apresentava o label/rótulo em verde, contendo as inscrições VOIT LUNG OVER PRESSURE BREATHER - W.J. VOIT RUBBER CORP., além das três localidades - LOS ANGELES - DANVILLE, ILL - NEW YORK - o número da patente nos EUA U.S. PATENT No 2.485.039, e a expressão USE WITH COMPRESSED AIR ONLYSCAPHANDRE AUTONOME - COUSTEAU-GAGNAN (conforme previsto no acordo com a US Divers). No label, também, aparecia o número de série com quatro dígitos.

 

 

O corpo do VOIT LUNG VR-1 era de cromo brilhante na parte superior (lado do label) e fosco na parte inferior (lado do yoke). O mecanismo interno era de estágio único do tipo Upstream. Em 1957, o VR-1 passa a ser chamado de SPORTSMAN. A produção do VR-1 ocorreu de 1956 à 1958. A numeração serial se iniciou no 5.000 e acredita-se que tenham sido produzidos ao redor de 3.000 reguladores double hose VOIT LUNG VR-1 SPORTSMAN.

 

 

Vários filmes produzidos naquela época deram um grande visibilidade para os produtos da VOIT (Underwater - Kingdom of the Sea). A VOIT forneceu máscaras e nadadeiras para as cenas subaquáticas. Mas nada se compara à grande divulgação ocorrida com a série de TV - SEA HUNT - estrelada por Lloyd Bridges no papel de Mike Nelson, em 1958. A empresa forneceu todos os equipamentos de mergulho utilizados pelos atores.

 

 

Lloyd usou o VR-1 e o VR-2 - Green Label - nos filmes. Nos epísódios mais antigos, o VR-1 Sporstman foi utilizado e em 1959, Mike Nelson aparece com novo desenho do VR-1 com o label/rótulo azul (Blue Label).

Em 1958, a W.J. VOIT RUBBER CORPORATION foi comprada pela AMERICAN MACHINE AND FOUNDRY, conhecida como AMF. A AMF foi fundada em 1900 e era uma das maiores empresas de equipamentos de materiais esportivos dos EUA.

 A VOIT passa a ser uma subsidiaria independente da AMF. O primeiro logo da AMF ao lado do logo da VOIT aparece no catálogo de 1959, mas só  apareceria em um logo de regulador em 1962.

 

VOIT LUNG VR-1 BLUE LABEL

Em 1959, a VOIT faz mudanças na sua linha de reguladores. O VR-2 Mariner é eliminado da linha e o VR-1 sofre mudanças externas e passa a ter um label azul escuro e o cromado brilhante da parte superior (lado do label) é substituido pelo cromo níquel com acabamento fosco. As abraçadeiras do tipo tinnerman passam a ser cromadas e as mangueiras e o mouthpiece/ bocal mudam para a cor cinza. Um logo da VOIT é estampado no novo formato do mouthpiece utilizado.

Internamente, ocorreu um upgrade no mecanismo do regulador, que passa a usar o mesmo sistema do US Divers DW Mistral. O número de série, provavelmente, se iniciou no 8.500 e acredita-se que foram produzidos ao redor de 500 reguladaores.

 

AMF VOIT VCR-2 50 FATHOM 

Em 1959, é lançado o primeiro regulador desenvolvido exclusivamente pela VOIT. Chamado de VCR-2 - VOIT COMPENSATED REGULATOR, este regulador double hose apresentava o seu corpo pintado de azul, sendo que as partes superior e inferior estavam fixadam por um anel/banda cromada. As mangueiras e o mouthpiece eram de cor cinza, com abraçadeiras do tipo tinnerman em acabamento cromado.

 

 

Um belo label/rótulo de cor azul escuro contém a inscrição VOIT - 50 FATHOM - REGULATOR - COMPENSATED - EASY BREATHING AT ALL DEPTHS, além do nome da empresa W.J. VOIT RUBBER CORP., com as três localidades da empresa NEW YORK - CHICAGO - LOS ANGELES.

 

 

Este modelo não possuia numeração serial estampada no regulador. O mecanismo interno era de estágio único do tipo Downstream. O VCR-2 permaneceu no mercado por apenas dois anos - 1959 e 1960.

 

 

Em 1960, a VOIT adicionou uma linha de equipamentos denominada VIKING, que era composta de máscaras, nadadeiras e speargums (armas para caça-sub).

 

 

 

Em 1961, a nova versão do VCR-2 50 FATHOM, conhecida como VIKING, apresentava um acabamento cromado brilhante. Com exceção as novas abraçadeiras de nylon com monograma da VOIT, todos os demais detalhes eram idênticos à versão pintada de azul. Esta versão foi fabricada por apenas um ano. Como não fora estampados os números de séries nestes reguladores, acredita-se que foram produzidos entre 2.000 e 3.000 do VCR-2 Blue Painted e entre 1.000 e 1.500 do VCR-2 Viking Chromed.

 

 

V22 POLARIS 50

Em 1962, a VOIT projetou e desenvolveu outro mecanismo para os seus reguladores e o chamaram de V22. Um sistema de estágio único com um sistema venturi. Este novo sistema foi colocado no corpo usado pelo Viking VCR-2 50 Fathom Cromado. As mangueiras, o mouthpiece, o anel/banda de fixação e as abraçadeiras eram os mesmos.

 

 

O rótulo do Polaris 50 tinha a inscrição POLARIS - 50 - AMF - MADE IN USA, além da numeração serial de quatro dígitos. Este modelo apareceu nos catálogos da VOIT de 1962 e 1963. Estima-se uma produção de 3.000 reguladores.

 

 

O Polaris 50 foi usado pelo ator Adolfo Celi, no papel de Emílio Largo, no filme Thunderball de 1965.

 

AMF VOIT V66 NAVY

Desde que o V-2 Mariner saiu de produção em 1958, a VOIT não tinha um regulador double hose de dois estágios em sua linha. Em 1962, foi lançado o V66 Navy. Mas uma vez, a US Divers autorizou a utilização do mecanismo usado em um dos seus reguladores, o Aqua Master- 1010. O Navy tinha um primeiro estágio não balanceado do tipo Upstream, além de uma porta de baixa pressão (hookah port).

 

 

O V66 NAvy tinha o mesmo acabamento cromado do 50 Fathom e do Polaris 50 (cromo brilhante na parte superior e fosco na parte inferior), com os mesmo tipos de mangueiras, mouthpiece, anel/banda e abraçadeiras.

 

 

O rótulo dourado e azul (gold/blue) contém a expressão NAVY - AMF VOIT - MADE IN USA e com um número de série de quatro dígitos estampado. A produção deste modelo foi interrompida por algum motivo de violação ao acordo existente com a US Divers.

Após algumas modificações efetuadas na parte externa do regulador, a produção retornou. O label/rótulo era agora das cores preta e dourada (gold/black) e continha a expressão NAVY - VOIT MADE IN FRANCE, com a numeração de série de quatro dígitos. O corpo do regulador passou a ser inteiramente com acabamento em cromo brilhante.

 

 

Por volta do número de série 1.000, o anel/banda cromado de fixação das partes superior e inferior do regulador foi substituido por sete grampos de fixação. A produção do V66 Navy ocorreu de 1962 à 1964. Acredita-se uma produção de 720 reguladores V66 Navy Made in USA Blue/Gold até a sua interrupção, e de cerca de 3.500 reguladores V66 Navy Made in France Black/Gold.

  

VCR-5 BLUE FIFTY FATHOM

Em 1961, foi fabricado o Blue Fifty Fathom com o corpo do regulador feito em plástico cycolac na cor azul. As partes superior e inferior do regulador estavam fixadas através de seis parafusos e porcas cromados. As mangueiras e o mouthpiece/bocal eram da cor cinza e as abraçadeiras eram de plástico.

 

 

Internamente, o regulador tinha o mesmo mecanismo utilizado no VCR-2.

O label/rótulo adesivo era anodizado e prateado. Continha a inscrição VOIT BLUE 50 FATHOM - MADE IN USA, e apresentava uma ilustração de um caçador-sub/spearfisherman. A fabricação dos reguladores double hoseVCR-5 BLUE FIFTY FATHOM, com este desenho de rótulo, durou menos de dois meses. A VOIT não havia incluido as inicias AMF no rótulo, o que exigiu um o desenvolvimento de um novo desenho.

 

 

O novo label/rótulo adesivo era metade prateado e metade na cor azul. Do lado esquerdo foram impressas as iniciais VOIT e AMF, e do outro lado a expressão BLUE FIFTY FATHOM. Na parte inferior do rótulo esta a inscrição MADE IN USA. O novo rótulo foi utilizado no VCR-5 Blue Fifty Fathom até o final do ano de 1961.

Um protótipo com acabamento em cromo foi projetado. Provavelmente, este regulador iria utilizar mangueiras e mouthpiece na cor azul. Mas o projeto não foi adiante.

  

V55 BLUE FIFTY FATHOM

Em 1962, um novo upgrade foi feito e o mecanismo interno do regulador foi substituido pelo sistema denominado V22, o mesmo utilizado no regulador double hose Polaris 50.

 

 

Este novo modelo foi chamado de V55 BLUE FIFTY FATHOM. A produção deste regulador ocorreu até o final do ano de 1962. Como não existia numeração serial estampada nos reguladores, acredita-se que foram produzidos, baseado na produção histórica dos outros reguladores, algo em torno de 1.000 reguladores. 

 

 

Também no ano de 1962, a W.J. VOIT RUBBER CORPORATION comprou a SWIMASTER.

A SWIMASTER foi uma empresa fundada nos anos 50 e possuia uma linha de máscaras, nadadeiras, facas e speargums.

Em 1963 e 1964, a VOIT adicionou os novos produtos de fabricação da SWIMASTER em seus catálogos. E em 1966, a SWIMASTER se tornou a marca para a linha PRO de equipamentos de mergulho da AMF/VOIT.

 

SWIMASTER TRIESTE R22

Em homenagem ao famoso batiscafo TRIESTE, dos anos 50 e 60, e que atingiu a profundidade de 35.797 pés, nas Fossas Marianas (23 de janeiro de 1960), surge o regulador double hose SWIMASTER TRIESTE R22.

 

 

O Trieste R22 era o menor e mais compacto regulador de duas mangueiras do mercado, e era fabricado em aço inoxidável. O seu mecanismo interno é de dois estágios, totalmente balanceados. Vinha com as mangueiras pretas, um mouthpiece/bocal com a inscrição AMF-VOIT e era, também, de cor preta e abraçadeiras de nylon. O corpo do regulador apresentava duas portas, sendo uma para o acoplamento de um mecanismo de reserva opcional e o outro, uma porta HP para acoplamento de um manômetro, também opcional.

O yoke e o botão/parafuso de aperto do regulador no cilindro eram cromados.

 

 

O label/rótulo era na cor preta e tinha a inscrição VOIT - SWIMASTER - TRIESTE - 2 STAGE BALANCED REGULATOR - MADE IN USA. Existia também o espaço para o número de série. 

O regulador double hose TRIESTE R22 foi produzido de 1966 à 1969, sendo estimada a sua produção em 8.000 reguladores ao longo destes quatro anos.

 

SWIMASTER TRIESTE-J R22-J

Este modelo era exatamento o mesmo regulador TRIESTE R22, com um mecanismo reserva já acoplado pela fábrica. O código do mecanismo reserva era V1-JR. O rótulo continha, além das inscrições do R22, a letra "J" impressa ao lado da palava TRIESTE

 

 

A produção deste modelo não passa de 800 unidades.

 

 

VOIT TRIESTE II V22

Este modelo é praticamente o mesmo regulador TRIESTE dos outros modelos com algumas pequenas alterações.

 

  

O rótulo era de cor azul mais claro com as expressões AMF - VOIT TRIESTE II - MADE IN USA - 2 STAGE BALANCED REGULATOR, além do espaço contendo o número de série. Uma nova porta de baixa pressão foi adicionado ao lado da porta HP. Do lado oposto, continuava existindo a porta para acoplamento do mecanismo reserva V1-JR. O parafuso do yoke agora passa a ser de plástico. O mouthpiece passou a ter o formato similar do da US Divers (Forma de "V") com o logo AMF-VOIT.

O TRIESTE II foi fabricado nos anos de 1970 e 1971, e, provavelmente, foram produzidos ao redor de 1.600 reguladores.

O TRIESTE II foi o último regulador double produzido pela VOIT, e em 1972, eles foram substituidos pelos reguladores single hose.

Em 1983, a fábrica principal localizada em Los Angeles foi fechada e alguns anos depois a AMF foi vendida para a empresa MINSTAR INC.. A fábrica da VOIT se mudou para o México, onde a fabricação de bolas para várias modalidades esportivas continua até os dias de hoje.

 

 

Fontes: 

(1)    Frank Werthwein

(2)    http://www.internationallegendsofdiving.com/Articles/icorn_090808.htm

(3)    http://www.vintagescubasupply.com/labsvoit.html 

(4)    The Journal of Diving History - Number 68 - VOIT: Nelson's Choise - A History of Voit Two Hose Regulators by Ed LaRochelle

(5)    Basic Scuba by Fred M. Roberts

 

VR2 Mariner

VR1 Sportsman

VCR2 50 Fathom

V22 Polaris 50

V66 Navy

VCR-5 Blue Fifty

V55 Blue Fifty Fathom

Trieste

Custom



 
Apoio   Scuba Point Facebook

 
Terms of Use Copyright © CG-45 Collection     -     All Rights Reserved Contact